O santuário dedicado à Senhora Santana é uma obra que tem várias funções que não apenas a de servir à fé.

O santuário dedicado à Senhora Santana é uma obra que tem várias funções que não apenas a de servir à fé.

Eu tive e a oportunidade de estar com a deputada Mirian Sobreira e o dr. Marcelo quando foi apresentado o projeto final e pude ver a emoção nos olhos deles. Não era uma emoção fruto de dum desejo do passado que no presente se concretiza, mas a visão daquele brilho no olho me despertou para uma visão de futuro; coisa de quem estava enxergando muito além do que apenas um monumento a santa padroeira de Iguatu.

Viagens motivadas pela fé mobilizam cerca de 18 milhões de pessoas. Ao todo, são 96 destinos religiosos em todo o País e Iguatu deverá ser o 97º. Uma característica dessa gestão chamada de Novo Tempo é realizar ações voltadas para o futuro. A retomada do Centro de Eventos e a chegada do santuário, atrelada aos vôos regulares para Iguatu, colocará o município no ramo de turismo de negócios e feiras e ainda religioso. Ambos movimentam 52 setores da economia. Um exemplo disso é o projeto Iguatu Moto Fest que é realizado desde 2013 e na sua quinta edição a gestão de Um Novo Tempo o incluiu, através de Lei, no calendário municipal de eventos. Para quem não sabe foi Iguatu a primeira cidade no Ceará a colocar um evento de moto no calendário municipal e o segundo no Nordeste. Este ano é a prefeitura quem coordena o evento que lota hotéis de movimenta mais de 1,5 milhão de reais em dinheiro na cidade, sem nenhuma ocorrência policial.

Este foco no turismo, pela visão de futuro da deputada Mirian, do dr. Marcelo, de Marcos Sobreira vice prefeito e do prefeito Ednaldo Lavor mostram que eles enxergam Iguatu no presente como um futuro bem próximo.

Canindé é o principal pólo de turismo religioso no Ceará seguido de Juazeiro. No Brasil temos Aparecida do Norte e Círio de Nazaré em Belém do Pará que é considerada a maior manifestação religiosa católica do país e reúne cerca de 5 milhões de pessoas.

No mundo, uma festa religiosa, o festival hindu Kumbh Mela dura 55 dias de celebrações. O Kumbh Mela acontece a cada 12 anos, em Sangam, no norte da Índia, na confluência dos rios Ganges, Yamuna e Saraswati. Estima-se que 100 milhões de devotos participaram da edição de 2013. Para os hindus, um mergulho nas águas dos rios durante o festival os limpa dos pecados e ajudam na salvação de suas almas.

A gestão de um Novo Tempo está de parabéns por apostar no futuro, pois esse equipamento irá movimentar a capacitação de profissionais de atendimento, refeições, transporte, logística, segurança e hotelaria e ainda jovens guias turísticos que poderão estudar e ter emprego.

A deputada Mirian e o prefeito Ednaldo Lavor enxergaram, através desse belo projeto uma grande oportunidade de não depender apenas da chuva para poder girar a economia da cidade.

Eu vi o projeto e ele é sim muito bonito, funcional e futurista. Típico de um Novo Tempo

Como disse Eleanor Roosevelt, O futuro pertence àqueles que acreditam na beleza de seus sonhos.

Que Deus abençoe a sua semana

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.