Terremoto no Japão: Podem faltar produtos e peças até para carros.

Fábricas fechadas

Com algumas fábricas paralisadas no Japão, produtores já temem falta de componentes para os televisores vendidos no Brasil. A Sony suspendeu a produção em sete fábricas no Japão, devido a falhas no fornecimento de energia – mesmo motivo para a Toshiba fechar algumas unidades.

A montadora Toyota também interrompeu a produção em diversas fábricas. A Nissan manterá quatro unidades fechadas até esta quarta-feira. E seis fábricas da Honda ficarão paradas até o fim desta semana.

Uma unidade da Sony foi inundada. A companhia suspendeu as atividades em dez fábricas e dois centros de pesquisa no Japão. Já a Toshiba teve uma de suas plantas danificadas pelos terremotos e decidiu paralisar as operações em cinco unidades.A Canon também fechou as portas de suas fábricas no norte do país, procedimento adotado ainda pela concorrente Nikon.

Veja a seguir relação parcial de companhias com fábricas e escritórios localizados no nordeste do Japão, nas áreas mais afetadas pelo terremoto de 8,9 graus que atingiu o país e que foi seguido por tsunamis.

Cosmo Oil

-Grande incêndio em refinaria de petróleo na municipalidade de Chiba, a leste de Tóquio. Todas as operações foram paralisadas. O trabalho para extinguir o fogo começou às 3h58 (horário de Brasília).

Toyota Motor

-Subsidiária Central Motor co: na cidade de Miyagi, próxima de Sendai. Iniciou produção em janeiro de 2011. Monta o sedã subcompacto Yaris. Capacidade de 120 mil unidades por ano.

-Subsidiária Kanto Auto Works: Em Iwate. Produz carros pequenos como o sedã Belta, Auris, Blade, ist.

-Joint-venture com a Prime Earth EV Energy, da Panasonic, em Miyagi. Produz baterias para carros híbridos. Produção suspensa.

Toyota Motor Tohoku. Produz autopeças desde outubro de 1998. Produção interrompida, sem vítimas.

Nissan Motor

-Produção suspensa em todas as quatro fábricas de carros no Japão, incluindo aquelas gravemente atingidas em Tochigi e Fukushima. Pequenos incêndios confirmados nessas duas fábricas. Dois feridos na fábrica de Tochigi.

Honda Motor

-Produz veículos Subaru e aeronaves. Tem uma fábrica de aeronaves e veículos industriais em Tochigi.

Sony Corp

-Duas fábricas em Fukushima, quatro em Miyagi. Todas estão fechadas e os funcionários foram retirados. Extensão dos danos não é conhecida. Uma fábrica em Miyagi produz semicondutores e outras três produzem filme óptico e vários outros componentes. Duas fábricas em Fukushima produzem baterias.

JFE Steel

-Emissora TBS informa incêndio na usina em Chiba. Companhia afirmou que não houve grandes estragos na instalação.

Panasonic Corp

-Duas fábricas em Fukushima, fabrica produtos a áudio e câmeras digitais, uma fábrica em Miyagi produz lentes para câmeras.

Tokyo Gas

-Interrompeu fornecimento de gás para mais de 35 mil casas e empresas na área de Kanto, no leste do Japão.

Tohoku Electric Power

-Instalações operando normalmente.

Tokyo Electric Power

-Usina de energia trabalhando normalmente.

(Por Chang-Ran Kim, Isabel Reynolds e Chikafumi Hodo e agências internacionais)

One comment on “Terremoto no Japão: Podem faltar produtos e peças até para carros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.